skip to Main Content

Reestruturação da Carreira: CRH do IBGE pede preenchimento de cargos vagos de NI por servidores do NS

Apesar de afirmar à Executiva Nacional da ASSIBGE-SN que o projeto de reestruturação da Carreira do IBGE estaria paralisado, a Direção do IBGE enviou e-mail ao senhor José Borges de Carvalho Filho, assessor de Augusto Akira Shiba, responsável pela gestão de pessoas do Ministério do Planejamento, no qual pede a “Alteração de cargos vagos de nível médio para nível superior, conforme proposta em nosso projeto”. Confira, em anexo, a íntegra do e-mail.

A ASSIBGE-SN esteve duas vezes reunida com a Direção do IBGE (Agosto e Novembro/2017), mas o e-mail é de 14 de julho de 2017. Na mais recente reunião os dirigentes do IBGE presentes disseram que conversaram com o MPOG sobre pontos do projeto de reestruturação da Carreira que não teriam impacto financeiro na folha. Foi por conta disso que o Sindicato solicitou a informação sobre quais pontos seriam esses e a Direção do IBGE nos remeteu cópia do e-mail.

A ASSIBGE-SN esclarece que não existe nenhum ponto do projeto de reestruturação da Carreira, elaborado em comum acordo com a Direção do IBGE no final de 2014 e encaminhado ao MPOG, que solicite a alteração das vagas em aberto de Nível Intermediário por Nível Superior. Até porque o projeto parte do pressuposto que tanto os servidores de NI quanto os de NS são imprescindíveis para os trabalhos do IBGE.

Esperamos que se trate de um equívoco. Caso contrário, fica evidente que as medidas da CRH do IBGE para barrar direitos dos servidores de Nível Intermediário não são uma simples coincidência, mas uma política deliberada visando a extinção do NI no IBGE. É o que se verifica na tentativa da CRH em barrar a acumulação de cargos entre servidores do NI do IBGE e de professor da Rede Pública.

A Executiva Nacional considera lamentável que, de forma unilateral, a Direção do IBGE altere o que foi firmado no projeto de reestruturação da Carreira. Como o e-mail foi encaminhado e assinado pelo Coordenador de Recursos Humanos, é preciso que a Direção do IBGE confirme ou desminta se a responsabilidade pelo que está escrito é da CRH ou da própria Direção. Caso seja um equívoco, é fundamental a correção junto ao MPOG.

 

Anexos

File Downloads
jpg WP_20171215_10_31_48_Pro 169

Deixe uma resposta

Back To Top
Pesquisar